quarta-feira, 23 de junho de 2010

Posso até te perder

Bem que dizem que a gente sempre é pego de surpresa! Por mais que a gente se prepare anos ou até minutos antes, sempre acontece algo inesperado. Foi algo parecido quando conheci a M. Nem sequer passava pela minha cabeça de conversar com ela na escola, afinal ela estudava em outro período, muito menos pensava que ela, um dia, seria minha amiga. E não uma simples amiga, que fofoca e vai pra baladas. É o tipo de amiga que te larga na mão sempre que pode, aquelas que te magoam às vezes, aquelas que vivem te irritando no msn. É o tipo de amiga que, apesar de todas essas chatisses, você a chama de melhor amiga. E, sabe, posso até te perder um dia, mas nunca, nunca vou esquecer dos nossos momentos. Obrigada, M.

Um comentário: